Província de Santo Antônio realiza o V Congresso de Formação e Estudos

Nesta segunda (25) deu inicio no Convento Santo Antônio em Lagoa Seca o V Congresso de Formação da Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil. Confira como foi as atividades deste primeiro dia de encontro.

25.07.2022 20:34:36 | 3 minutos de leitura

Província de Santo Antônio realiza o V Congresso de Formação e Estudos

Com o propósito de “Re-pensar a formação para uma vida renovada, uma fé apaixonada e uma missão encarnada”, deu-se início hoje, dia 25 de julho, no Convento Santo Antônio de Ipuarana, Lagoa Seca / PB, o V Congresso de Formação e Estudos da Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil. Contando com a participação de frades provenientes de inúmeras fraternidades, além de convidados especiais como as irmãs clarissas, o Frei Miguel Kleinhans, da Província Franciscana de Nossa Senhora da Assunção (Maranhão e Piauí); e o Padre Francisco Antônio Franceleudo, Reitor do Seminário e da Universidade Católica de Fortaleza, este encontro tem como intuito fazer ecoar as inquietações dos formandos em relação às etapas formativas no seu panorama atual e pensar em propostas que contribuam para um maior crescimento de toda a situação.

 

O encontro iniciou com a Celebração Eucarística presidida pelo Frei João Amilton, Ministro Provincial, que motivou aos presentes para tornar Cristo reconhecido em suas atitudes e na simplicidade. Após o café da manhã, tomou a palavra o Frei Walter Schreiber, atual Secretário de Formação e Estudos da Província Santo Antônio, que ressaltou a importância de estar acontecendo este encontro.

 

Ao ser aberto a oportunidade de fala aos que estavam presentes, suscitaram afirmações marcantes que mostram perspectivas positivas de tudo aquilo que será apresentado, debatido, refletido. Dentre as falas, está a do Frei José Hélio que enaltecia a necessidade da “escuta” que deixa de lado preconcepções estabelecidas para permitir-se questionar diante das partilhas.

 

Pela manhã, ainda é de se destacar a retrospectiva no âmbito formativo da Província realizada pelo Frei Marconi Lins, ex-Ministro Provincial e atual Guardião da Fraternidade de Aracaju, a partir dos fatores que incidiram e determinaram nosso percurso formativo: seja eles as interpelações eclesiais, seja a resposta que devemos dar diante da sociedade ou da conjuntura política de cada época.

 

À tarde, o Padre Francisco Antônio Franceleudo proferiu uma palestra com a temática sobre a “Formação para a Vida Consagrada: um olhar psicoantropológico perante a conjuntura atual. Crises, desafios, perspectivas.” que buscou levar à reflexão de como anda a formação atual, não só na Vida Religiosa Consagrada, mas também na dimensão dos seminários diocesanos. Ele, que já trabalha na formação dos seminaristas da Arquidiocese de Fortaleza a dezesseis anos, trouxe alguns elementos importantes para serem levados em consideração, como as interpelações pandêmica e pós-pandêmica e os desafios hipermodernos, por exemplo o acolhimento de homoafetivos nas casas formativas. Foi uma reflexão muito questionadora, pois não foge de realidades vividas muitas vezes.

 

Por fim, o primeiro dia do Congresso concluiu-se ainda com a acolhida do Frei Fernando Ferrario, Delegado da Conferência Franciscana CFMB e Cone Sul. Ele chega para também contribuir com sua presença e experiência, favorecendo uma ligação com as diretrizes assumidas pela Ordem Franciscana na América Latina.

Fonte: Frei Bruno Henrique, OFM
Mais em
 

Copyright © Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil.
Direitos reservados, acesse a política de privacidade.

X FECHAR
Cadastre-se para
conhecer o
nosso carisma