"Uma oportunidade para buscar responder os desafios da formação" afirma Pe Francileudo sobre Congresso

Pe. Dr Antônio Francileudo é um dos assessores do V Congresso de Formação e Estudos da Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil e em entrevista ao site, faz uma reflexão a cerca do que esta sendo explanados nestes dias de encontro.

26.07.2022 20:04:43 | 2 minutos de leitura

       O Congresso de Formação e Estudos da Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil, deu inicio nesta segunda (25), após um processo de escuta e partilha entre as fraternidades sobre assuntos a serem refletidos neste encontro. As reflexões feitas e discutidas entre os frades neste Congresso tem como direcionamento o que diz os documentos da Ordem, da Igreja, mas também com o momentos de assessoria que são conduzido por Padre Antônio Francileudo. 

Padre Francileudo é Reitor do Seminário e da Faculdade Católica da Arquidiocese de Fortaleza, trazendo no currículo doutorado em Psicologia e uma vasta experiência na área da formação, tendo inclusive materiais disponíveis sobre o tema. 

Em entrevista ao nosso site, o assessor partilhou que acredita que a partir do tema que é proposto para este Congresso, faz se necessário um processo de reconstrução da estrutura humana daquele que já estão na Ordem, como também da parte daqueles que estão na formação permanente. Dos irmãos faz se necessário uma renovação de mentalidade, de postura e de modos de condução do processo formativo nas fases iniciais. O padre lembrou que se esse processo não for assumido, haverá um distanciamento da exigências próprias da conjuntura atual e passará a apresentar processos institucionais que não respondem as demandas existenciais dos formandos na formação inicial e daqueles que já estão a um tempo. 
      Entre os temas refletidos por Padre Francileudo estão os desafios em meio a hipermodernidade e as redes sociais. O padre aponta que entre tantos desafios encontrados hoje, o maior deles está em lhe dar com estruturas humanas completamente frágeis e que não tiveram suporte emocional adequado na estrutura familiar, o que segundo o mesmo, acaba acarretando e comprometendo a estrutura das pessoas, da condução da missão e das responsabilidades da vida consagrada. "Se não houver uma descoberta destas dificuldades nas estruturas humanas, dificilmente poderá se contar com ajuda de um irmão na instituição e também na missão eclesial." chamou atenção o assessor.

Padre Francileudo ressaltou ainda nesta conversa sobre a importância deste Congresso de Formação e Estudos: "Sair das verdades prontas, das estruturas estabelecidas e daquela crença de que o que esta e com ele permanecer. Penso que um Congresso desse esta gerando reflexão e possibilitando uma parada para tomada de consciência de si, dos desafios que são próprios do processo de formação do nosso tempo e da tomada pessoal de consciência do seu processo de formação e fundamentalmente deixar de estar procurando no processo culpados, mas encontrando soluções para aquilo que se apresentado como desafios como crise ou como sofrimento,"

Ao ser interrogado sobre a formação franciscana que busca trabalhar o individuo como um todo na busca de um protagonismo, o padre frisou que este modelo é um passo importante para que o sujeito na formação seja de fato sujeito do processo. "O frade precisa buscar, querer, tomar consciência de suas limitações, tomar consciência do que precisa ser melhorado para que assim ele mesmo construa o seu caminho contribuindo de forma mais madura, focado naquilo que o franciscanismo, o evangelho e a pessoa de Jesus se torne centro." lembrou o padre. 

O Congresso também conta com a participação de Frei Marconi Lins de Araújo OFM e de outros membros da Família Franciscana que contribuem com reflexões para o enriquecimento da discursão da formação e dos estudo de nossa Província. 

Fonte: Comunicação Provincial | Contribuição: Frei Luiz Antônio, OFM
Mais em
 

Copyright © Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil.
Direitos reservados, acesse a política de privacidade.

X FECHAR
Cadastre-se para
conhecer o
nosso carisma